El Facility Manager: una profesión con futuro

Las dificultades económicas de la última década han llevado a muchos a preguntarse qué profesiones tendrán más demanda en el futuro. Como es de esperar, muchos intentan encaminar su futuro hacia el nuevo trabajo de vanguardia o el que les ofrecerá cierta seguridad. Pero, el mercado laboral cambia a la velocidad de la luz y es difícil descifrar las tendencias del futuro. Profesionales que hasta hace muy poco considerábamos de primer nivel, como arquitecto o ingeniero de caminos, viven en medio de una enorme incertidumbre, con la vista puesta en el paro o en el extranjero. Según afirman diferentes estudios, algunas de las profesiones con más demanda serán aquellas que todavía no existen, tal y como nos muestra el macroestudio del think tank británico Fast Future, el cual vislumbra 110 nuevas profesiones en 2030.

Pero, ¿Qué pasa con el Facility Management? ¿Puede alguien decir que no habrá edificios en el futuro?

Debido a la coyuntura económica actual, las empresas y organizaciones se plantean nuevos planes de empresa; sus líneas de negocio, sus nuevas inversiones, e incluso sus objetivos y estrategias, necesitan maximizar sus recursos. El teletrabajo, las oficinas virtuales y la tecnología móvil que probablemente esté usando para leer este artículo facilitan el trabajar fuera de las instalaciones de su empresa. Sin embargo, más difícil es imaginar que las organizaciones no tendrán headquarters, no se utilizarán naves para fabricar sus productos, los médicos no tratarán a los pacientes en los hospitales o las universidades estarán vacías.

Según la Oficina de Estadísticas Laborales del Departamento Americano de Empleo, los sectores que mayor demanda tendrán serán aquellos con fuerte contenido tecnológico y los vinculados a la economía ‘verde’. Curiosamente, esto está alineado a lo que se vislumbra dentro del campo de Facility Management donde según el informe “Future Outlook for Facility Management” publicado en 2011 por IFMA, en el que se recoge la visión de la disciplina de los próximos años, se identifica la Sostenibilidad como la tendencia numero 1 y en segunda posición la Tecnología.

Por consiguiente, las empresas demandarán perfiles especializados para ayudarles a conseguir sus objetivos corporativos de sostenibilidad y su “triple bottom line”, para crear un entorno que fomente la productividad. Asimismo, los sistemas de los edificios son cada vez más complejos, la informatización global de los sistemas y el continuo avance en la tecnología harán demandar a las organizaciones Facility Managers especializados.

Las buenas noticias para el FM actual y aquellos que buscan en la disciplina una posibilidad de carrera es que está en alza.

Según IFMA y su informe de “Profiles 2011 Salary and Demographics Report“, la media anual salarial (salario base más pagas extraordinarias) de un FM en EE.UU. fue US$ 99.578, superior a los US$ 91.766 en 2007. Los recién licenciados que entran en la profesión en prácticas o con pocos años de experiencia en Facility Management ganan una media de US$ 65.000 al año, frente a los US $ 56.000 en 2004.

En España, poco a poco, las empresas empiezan a ampliar sus departamentos de Servicios Generales e incluyen áreas de Facility Management. Actualmente muchos profesionales con perfiles técnicos, que tienen experiencia en activos inmobiliarios, gestión patrimonial, gestión de servicios, edificación, instalaciones vinculadas a la construcción, gestión energética de edificaciones, etc, ven en el FM una oportunidad.

Por otro lado, las empresas de “recruitment” publican cada vez más ofertas de empleo con la frase “la empresa X, busca Facility Manager con inglés”. El reclamo de FMs por parte de las empresas se deriva de la necesidad de mejorar la gestión de los servicios e implementar un ahorro en los procesos para aumentar su competitividad y su imagen cara a los clientes y obtener mejor posicionamiento en el mercado.

Por todo esto, podemos decir que el Facility Management es un sector que ofrece grandes oportunidades de desarrollo profesional a todos aquellos que buscan un cambio en su trayectoria profesional o aquellos que buscan encauzar su carrera tras salir de la universidad.

Photo by Simon Cunningham http://bit.ly/1wgiTzM

compartilhe em suas redes sociais
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Deseja mais informações sobre o que fazemos em Consultoria, Formação e Investigação en Facility Management?

Hola, ¿cómo
podemos ayudarte?

Rellena el siguiente formulario y te enviaremos el reglamento interno y código ético:

Olá, como
podemos ajudá-lo?

Participar do Observatório FM

Preencha o seguinte formulário e lhe enviaremos o regulamento interno e o código de ética:

Como participar?

Colaborar com o Observatório FM é uma decisão pessoal e voluntária, e não há vínculo contratual ou compensação financeira por isso.

Qualquer interessado pode solicitar a participação como líder de um novo projeto, ou se candidatar como colaborador a um já existente.

Uma comissão técnica avaliará o objeto dos projetos propostos e as solicitações dos participantes, decidindo quais serão realizados e por quem.

Cada pessoa decide quanto quer dedicar, dependendo da disponibilidade ou do tipo de projeto. O objetivo é que seja uma atividade altruística e não uma carga de trabalho adicional.

Em que consiste?

Na promoção e publicação de estudos que ajudem os profissionais do sector e para que os restantes compreendam a nossa profissão e disciplina.

Os resultados e outputs são compartilhados de forma aberta, sempre reconhecendo as contribuições de todos os seus autores e colaboradores.

A atividade do Observatório respeita a objetividade, a ética, o rigor e as boas práticas que regem a nossa área de Investigação.

Os colaboradores têm acesso às melhores ferramentas colaborativas, informações setoriais e contatos, além de contar com o auxílio de consultores especializados e investigadores de nível internacional.

Investigação

Observatorio FM

É uma plataforma que potencia o desenvolvimento e a difusão de conteúdo ligado ao Facility Management, aberta a todos os que desejem participar com o objetivo de partilhar pela comunidade. Nesse sentido, os pontos chave são uma participação ética, objetiva e desvinculada de outros interesses. Adicionalmente, cada participante define quanto tempo pode dedicar.

Pode participar como:

  • Líder: define u tema e coordena a atividade
  • Colaborador: participa no desenvolvimento dos conteúdos

Em troca, proporcionamos:

  • O estado da arte e as tendências relacionadas com cada tema
  • Acesso a especialistas
  • Ferramentas de colaboração
  • Design e uma plataforma de difusão para os conteúdos que sejam criados

A sua colaboração será sempre mencionada nos créditos dos trabalhos realizados em que tenha aportado a sua contribuição.

Investigação

Projetos

Fazemos parte do grupo de pesquisa europeu e trabalhamos em equipas internacionais para o desenvolvimento de diferentes tipos de iniciativas:

  • Financiamento público
  • Competições internacionais

Também trabalhamos para prestadores de serviços, que desejam suporte em decisões relacionadas a:

  • Posicionamento
  • Lançamento de produtos
  • Procura de sócios
Investigação

Normalização

Como especialistas credenciados nos processos de redação das normas europeias e internacionais de Asset e Facility Manangement, somos o parceiro perfeito para o ajudar com:

  • Alinhamento com os regulamentos
  • Assistência na certificação
  • Formação especializada

A FMHOUSE é a única empresa de consultoria de língua espanhola que participa destes processos

Investigação

Divulgação

Na FMHOUSE, pensamos que a evolução que está em Facility Management deve ser partilhado. É por isso que dedicamos um esforço para produzir e publicar os seguintes tipos de conteúdo abertamente:

  • Tendências nacionais e internacionais
  • Análises setoriais
  • Estudos de mercado

O Observatório FM” está aberto caso queira colaborar em qualquer publicação.

Consultoria

Ambiente de Trabalho

A visão dos espaços ou local de trabalho na perspectiva do Facility Management serve para entender essa necessidade como serviço, pois é necessário aplicar a mesma lógica e metodologia.

Em geral, oferecem:

  • Avaliação e otimização
  • Estratégias de design
  • Soluções e cenários
  • Bem-estar e produtividade

Aplicamos a nossa experiência em escritórios, mas também em espaços educacionais, centros comerciais e no ambiente industrial.

Consultoria

Benchmarking

Para tomar as melhores decisões, deve trabalhar com dados claros e precisos, tanto do mercado quanto da própria organização. Isso no ambiente do Facility Management é ainda mais crítico devido ao impacto que causa nos negócios.

Exemplos de tipos comparativos:

  • Custos de operação
  • Uso/alocação de recursos
  • Auditoria e avaliação de conformidade

Esses serviços são solicitados principalmente pelos usuários finais, mas também pelos fornecedores de serviços.

Consultoria

Experiência de Cliente

Tudo o que é feito em Facility Management visa satisfazer algum tipo de cliente, interno ou externo. Compreender o que eles sentem e precisam é a chave para poder oferecer um bom serviço a eles.

O nosso suporte é baseado em:

  • Avaliação de satisfação
  • Percepção do cliente
  • Modelos centrados nas pessoas
  • Gestão de mudança

Trabalhamos para entender e conhecer os clientes dos nossos clientes, de qualquer setor e tipo de negócio.

Consultoria

Transformação Digital

O mundo do Facility Management está a passar por uma profunda transição para ambientes digitais. Ajudamos os nossos clientes a entender o que isso significa e acompanhamo-los na mudança.

As nossas áreas de suporte são:

  • Digitalização de processos
  • Viabilidade e integração
  • Cultura digital
  • Resposta tecnológica

Atuamos como consultores independentes e não como vendedores de marca.

Aconselhamos os clientes finais e também os prestadores de serviços.

Consultoria

Modelos de Serviços

Qualquer tipo de empresa precisa definir ou melhorar a maneira como estrutura as atividades de suporte fornecidas pela Facility Management.

Os nossos principais produtos são:

  • Diagnóstico de estado
  • Dimensionamento de serviços
  • Grupos e modelos
  • Suporte em licitações
  • Assistência na implantação

A proposta está estruturada para medir de acordo com necessidades específicas.

Ajudamos os clientes finais e também os prestadores de serviços.

No FMHOUSE, são utilizados cookies propostos e alterados para melhorar os serviços mais recentes. Se você continuar navegando, considere que aceita novos recursos términos de uso y nuestra política de privacidade e de cookies